OPD-CA-2 Diagnostico Psicodinamico Operacionalizado Para a Infancia e Adolescencia

R$ 180,00
Fornecedor Hogrefe

Descrição

Descrição:

Apresentamos o OPD-CA-2, o manual essencial para terapeutas e psiquiatras de orientação psicodinâmica que atuam com crianças e adolescentes. Após o grande sucesso do Diagnóstico Psicodinâmico Operacionalizado para Adultos (OPD-2), desenvolvemos essa versão adaptada, especificamente voltada para a avaliação infantil e juvenil.

O OPD-CA-2 é um sistema de diagnóstico multiaxial que combina as perspectivas psicodinâmica, de desenvolvimento e clínica psiquiátrica. Baseado em quatro eixos alinhados com a nova abordagem dimensional do DSM-5, aborda as seguintes áreas: relações interpessoais, conflitos, estrutura e pré-requisitos para o tratamento.

Por meio de uma entrevista inicial e avaliação dos eixos mencionados, os profissionais podem obter uma compreensão abrangente da psicodinâmica do paciente. O manual oferece listas de verificação e formulários de avaliação fáceis de usar, facilitando o processo diagnóstico.

Recebemos recomendações de renomados especialistas na área, como o Prof. Otto F. Kernberg e o Prof. Dr. Hans Steiner, que destacam a clareza e abrangência diagnóstica do OPD-CA-2. Este livro é uma ferramenta essencial para a prática clínica, oferecendo uma abordagem empiricamente baseada e clinicamente testada para o diagnóstico e indicações de tratamento na psicopatologia infantojuvenil.


Sumário:

1 Introdução
2 Idades e conceitos de desenvolvimento
2.1 Fundamentos teóricos do conceito de desenvolvimento no OPD-CA-2
2.2 Os grupos etários
3 A importância do contexto de desenvolvimento
3.1 Família 
3.2 Jardim de infância e escola
3.3 O brincar e o lazer.
3.4 Pares, amizades e parceiros românticos
3.5 Corpo, conceito do corpo, doença e papel de gênero
3.6 Redes sociais, cultura e migração
4 Experiência passada e descobertas empíricas relacionadas ao OPD-CA
4.1 Eixo das relações interpessoais 
4.2 Eixo do conflito
4.3 Eixo da estrutura 
4.4 Eixo de pré-requisitos para o tratamento
4.5 Conclusão
5 Concepção teórica dos eixos
5.1 Relações interpessoais
5.2 Conflito
5.3 Estrutura
5.4 Eixo de pré-requisitos para o tratamento
6 Avaliação diagnóstica e a entrevista do OPD-CA-2
6.1 Avaliação diagnóstica 
6.2 A entrevista do OPD-CA-2
Parte 2: Manualização dos eixos
7 Primeiro eixo: Relações interpessoais
7.1 Modelo circumplexo do OPD-CA-2 
7.2 Operacionalização
7.3 Nível de avaliação A: díades
7.4 Nível de avaliação B: a ressonância interna do examinador
7.5 Nível de avaliação C: círculo autorreferencial 
7.6 Informações específicas para a avaliação diagnóstica
8 Segundo eixo: Conflito
8.1 Proximidade versus distância
8.2 Submissão versus controle
8.3 Cuidar de si versus ser cuidado
8.4 Conflito de autoestima
8.5 Conflito de culpa
8.6 Conflito edípico
8.7 Conflito de identidade
8.8 Informações para a avaliação diagnóstica 



Autores

Comitê diretor da Força-tarefa do OPD-CA-2 Franz Resch, Georg Romer, Klaus Schmeck e Inge Seiffge-Krenke
_______________________________________________________________
Prof. Dr. Franz Resch é um renomado psiquiatra alemão.
Ele é conhecido por suas contribuições na área de psicopatologia e diagnóstico psiquiátrico, com um foco especial no desenvolvimento de instrumentos de avaliação e metodologias de diagnóstico.

Franz Resch

Médico psiquiatra e professor austríaco conhecido por suas contribuições no campo da psiquiatria infantil e adolescente. Ele é especializado em transtornos psiquiátricos na infância e adolescência, com um foco particular em transtornos do espectro autista.

Georg Romer

Pesquisador e profissional na área de psicologia, com foco em psicologia clínica. Ele contribuiu para estudos e pesquisas relacionados ao desenvolvimento infantil e psicopatologia. Sua especialização pode incluir questões relacionadas à saúde mental em crianças e adolescentes.

Klaus Schmeck

Conhecido por suas contribuições na área de psicologia educacional e ambiental. Ele pode ter trabalhado em temas relacionados ao desenvolvimento cognitivo, aprendizado e motivação, especialmente no contexto educacional.

Inge Seiffge-Krenke

Psicóloga alemã conhecida por seu trabalho em psicologia do desenvolvimento e psicologia clínica, com foco particular em questões relacionadas à adolescência, desenvolvimento emocional e psicopatologia nessa faixa etária.