Uso da tecnologia na intervenção cognitiva: de smartphones à realidade virtual

Uso da tecnologia na intervenção cognitiva: de smartphones à realidade virtual

Preço normal
Esgotado
Preço promocional
R$ 350,00
Frete calculado no checkout.

Curso: Uso da tecnologia na intervenção cognitiva: de smartphones à realidade virtual

Dias 19 e 20 de Novembro de 2021 (aula ON-LINE e ao vivo, pelo Zoom)
Sexta-feira (de 18h às 22h) e sábado (de 8h às 12h e 13h às 17h).

 

Quer aprender  tudo sobre Uso da tecnologia na intervenção cognitiva: de smartphones à realidade virtual? Essa é a oportunidade de estudar e se aperfeiçoar sobre esse tema que é cada vez mais discutido.


Você vai aprender tudo e mais um pouco sobre como a tecnologia é nossa aliada nos cuidados com a recuperação cognitiva dos pacientes, bem como das avaliações neuropsicológicas.


Veja mais detalhes do curso:

 

O termo “Neuropsicologia” foi utilizado pela primeira vez no ano de 1913 em uma conferência realizada por William Osler, nos Estados Unidos.

Desde então, o estudo sobre essa ciência tem passado por transformações que contemplam as complexidades do cérebro humano.

Podemos dividi-la em três momentos, a 1.0 que fazia uso de espelhos, papéis e lápis para avaliação e aquisição de memória procedural dos pacientes.

A 2.0 apresentação de estímulos complexos e, principalmente, a automatização de processos. E a contemporânea que é a 3.0, com a implementação de tecnologias, como o uso da realidade virtual, agregando ao processo de avaliação ou reabilitação neuropsicológica.

É justamente essa última etapa que vamos abordar nesse curso sensacional oferecido pela professora Emmy Uehara

O que você vai aprender: 

  • Conceito da tecnologia e novas mídias
  • Técnicas para o uso da tecnologia em avaliações neuropsicológicas e reabilitação cognitiva.
  • Uso da realidade virtual


Sobre a professora 

Professora Adjunta do Departamento de Psicologia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (DEPSI/UFRRJ) e do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (PPGPSI/UFRRJ), além de Professora Colaboradora do Programa Mestrado Profissional em Educação, Gestão e Difusão em Biociências (MP-EGeD), do Instituto de Bioquímica Médica Leopoldo de Meis da UFRJ. Graduada em Psicologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2005) e Especialista em Neuropsicologia pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP).

Mestre e Doutora em Psicologia Clínica (linha de pesquisa: Neurociência e psicologia clínica) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Parecerista ad hoc SATEPSI. Líder do Grupo de Pesquisa do CNPq - Núcleo de Ações e Reflexões em Neuropsicologia do Desenvolvimento (NARN) e ST3M-C: Estudos Transdisciplinares sobre Empoderamento de Meninas e Mulheres na Ciência. Integrante do GT Neuropsicologia (ANPEPP). Representante regional RJ da SBNP - 2016-2017.

Tem como foco de pesquisa:

  • Avaliação psicológica e neuropsicológica
  • Neuropsicologia cognitiva, clínica e do desenvolvimento
  • Construção e adaptação de instrumentos
  • Ergonomia cognitiva
  • Inovação tecnológica
  • Novas mídias
  • Empoderamento feminino na Ciência
  • Educação a distância e Formação continuada de professores.